Carta ao que passou

maio 24, 2010 brybru

“Loucura!

Tenho sonhado com certa frequência contigo.

Por vezes, no sonho, esqueço-me que estamos separados a tempos e que estamos cada qual com o seu novo par. E quando nosso filho surge, o nosso único vínculo atual, a minha memória faz emergir os nossos novos parceiros.

 Não sinto que ficamos com algo pendente mas sinto a tua pressão sobre mim nas questões de dinheiro. Você pode não se lembrar mas o meu apartamento ficou contigo para usares a favor do nosso filho. Para você morar lá  ou a alugá-lo e usar o dinheiro como parte da minha pensão. Seja como for vendeste o apartamento e perdeste o dinheiro. O que você deseja de mim? Já pensei em ir para a India a viver num mosteiro budista. Minha preocupação com dinheiro sempre foi mínima e a cada dia menor ainda.

 Sempre sonho com a  a água do mar limpa e translúcida. E a seguir uma onda gigantesca como um tsunami tenta nos engolir. E toda vez que a onda avança, nos separamos. E deixamos uma conversa amigável por acabar. Normalmente eu me dirijo para onde imagino que o nosso filho esteja (a se proteger em alguma caverna na praia e de costas para o mar, sempre acompanhado do meu parceiro ou da tua namorada).  Loucura?

Em um dos sonhos eu queria pedir-te orientação para encontrar um caminho que já fizéramos há tempos mas meu atual marido sugere  que não. Noutro sonho sentamo-nos em um banco de jardim e colocamos a conversa em dia como velhos amigos. Não sei o que se passa.

Na verdade meu inconsciente está a espera do fim do teu relacionamento. Conto com isso há quase 7 anos. E porque? Por que o tarôt me disse. Meu lado bom quer que sejas feliz mas meu lado humano quer te ver sofrer pelo egoísmo que nutres em ti e para ti.

Imagino que tu estejas a passar por um momento de transição e eu esteja intuindo isto. Espero mesmo que seja só isso e que não me envolvas no que quer que seja.

Até mais ver.

IRL –  “Não sinto que ficamos com algo pendente…” 


Tem um ditado popular que diz que “ex-mulher” é para sempre…O inverso de gênero também é válido!
Ex marido é para sempre. Ainda mais quando temos um rabicho genético nos unindo.
Por mais que neguemos..é 4ever.
Atente que estou falando de pessoas “normais”, civilizadas, que convivem pacificamente com as regras sociais.
Outro ditado comum, este nos meios acadêmicos da psicologia, é que aquilo que negamos é o que mais nos aflige, isso nos meandros da inconsciência. Ou seja, apesar de verbalizarmos a não importância que damos ao $$$, este é o nó de maior pressão sentido por parte do outro.
Outro ditado…só existe explorador se existir explorado…relações são biderecionais (salvo raras exceções de suas amigas doidas que imaginam paixões avassaladoras…hehehe)
Existem uma relação, existe uma pressão que é posta, mas que é sentida, aceita.
Talvez a ida para algum mosteiro tenha a finalidade de “resolver” esta situação. Afinal, Índia e Mosteiros são símbolos fortíssimos do despreendimento material humano.
Mas até o próprio Buda se deu conta que despreendimento demais pode não trazer todas as respostas.
Água. O símbolo máximo da vida. E  também da dissolução. O sal da terra se origina na água e nela se dissolve. Quanto mais em um tsunami…
Somos o sal da terra, damos ciência e consciência às criaturas do criador. Mas somos tão frágeis diante de um tsunami….
  
A onda que te separa de teu “amigo” também impede o fluxo de amizade e da conversa por terminar…
De qualquer forma não há segurança nesta amizade. As perdas (do bem material e dos imateriais) fazem com que sua referência de salvação te encaminhem em direção do filho. Mães sempre fazem isso…hehehe
Mas o filho está em uma caverna…o velho mito de Platão…de costas para o mar – obviamente olhando para o fundo da caverna. Você conhece o mito da cavena de Platão? Sobre a alienação humana? Se não eu te conto…Símbolo muito claro.
O filho pode representar a negação do conflito, olhar para uma direção onde a realidade não é clara. As paredes da caverna refletem apenas as sombras da realidade…a vida…apesar de tudo, está no mar. Fora da caverna. Fora da “segurança” da caverna.
Controle…o inconsciente expressa o controle…o consciente é quem pede que vc se desligue de algo de que não há desligamento. Pode existir o fim de pressões e de sensações. Mas não vejo como desligar o indesligável. O inconsciente diz sobre as possibilidades nesta relação (não estou dizendo amorosa!). Possibilidades de aprender algo com alguém tão diferente. Você tinha o desejo de ir por um caminho já percorrido, vc queria até a orientação dele! Vês a possibilidade???
Vocês conversam amigavelmente! é possível.
Acho que o inconsciente te avisa de outra coisa. Homens fortes são fortes porque dominam, controlam, resolvem. E impedem, nem sempre intencionalmente, de que mulheres fortes se manifestem. Think about it!!!! Quando o atual marido não te deixa buscar a orientação com o ex.
Tarot!
Este é um maravilhoso oráculo! Mas minha experiência com ele diz que temos que conhecer muito, muito simbolismo para termos um bom entendimento. Com certeza 7 anos é o fim de qualquer ciclo. Não necessáriamente com rupturas físicas e de convivência. Pode ser o fim de uma das formas de se relacionar e não do relacionar-se.
 
Das contradições humanas de amor e ódio…normal…nada a declarar…somente tendo ciência de nossa escuridão podemos desfrutar de nossa luz…vc já sabe bem sobre isso…relax…
Seja o que for…vc está envolvida…tem coisas que nem a India dá jeito!
Anúncios

Entry Filed under: Sem categoria

One Comment Add your own

  • 1. Art Doyle  |  maio 27, 2010 às 6:16 pm

    If only I had a nickel for each time I came to morfeuepersofone.wordpress.com! Amazing article!


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to comments via RSS Feed

Páginas

Categorias

Agenda

maio 2010
S T Q Q S S D
« abr   jun »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

Most Recent Posts

 
%d blogueiros gostam disto: